Personal Thoughts | Chega de recomeços

Picture by @Unknown Author Clique sobre a imagem para a ampliar.    Começar e recomeçar... Duas palavras que têm um grande impacto,...

Picture by @Unknown Author
Clique sobre a imagem para a ampliar.

   Começar e recomeçar... Duas palavras que têm um grande impacto, hã? Posso não ter muitos anos de vida, mas vou aprendendo com os acontecimentos. A verdade, é que há um ano atrás, não imaginaria a volta que a minha vida deu. Acabei o secundário e... sou feliz. Oh meu deus, como sabe bem. Punha as mãos no fogo, como que o que está acontecendo hoje não iria fazer parte do meu futuro. Sempre tentei dar o meu melhor em tudo o que me metia, atingir objectivos. Não sei se era o sentimento que sentia de não pertencer aqui (ou pelo menos assim o julgava), ou simplesmente era teimosia de não me querer encaixar. Estudar para voar, esse era o lema. Trezentos e sessenta e cinco dias depois, aqui estou eu, na mesma ilha, na mesma casa e a frequentar os mesmo lugares, e o mais engraçado? Acabei o secundário e não voei, por opção. Aprendi a gostar das paredes que me rodeiam, a valorizar os bons momentos, aprendi a aceitar as coisas como são e a me orgulhar das minhas próprias decisões. Escolhas. Lições. 
O destino me ofereceu um ano para viver intensamente, para crescer, e pretendo aproveitar cada segundo. Que estes meses que finalmente chegaram sejam de aprendizagem, de dedicação aos planos do coração e da concretização de mais uma série de certos! Sim, certos, porque errados já estou eu cansada. Aprendi que não vale a pena fazer muitos planos, mas sim viver o momento. A palavra carpe diem nunca fez tanto sentido na minha vida, como faz agora. Grandes expectativas causam grandes desilusões.
   Actualmente, vivo um dia de cada vez e foi uma aprendizagem difícil. Nem tudo é felicidade, mas também, nem tudo é tristeza. Não existe duas vidas iguais, e finalmente estou a tirar partido do melhor da minha. É verdade, estou mesmo a dar com o equilíbrio, logo eu que sempre fui tão desequilibrada.
   Estou farta de impingir a mim mesma novos começos, chega! Não há maneira de apagar o nosso passado, interiorizei. Apenas há que aprender a conviver com as nossas feridas, umas abertas e outras cicatrizadas e andar em frente de cabeça erguida. Neste mundo, sou apenas uma nuns quantos milhões. Mas para mim, não há milhões que me comprem. Não há nada como saber amar-me e ouvir-me, uma escolha que quero carregar para o resto da minha existência.

Um beijinho,

7 comentários

  1. Olá Nicole, li com bastante atenção o teu post. Antes de mais tenho de perguntar-te: o que aconteceu para não "voares"? Concluíste o secundário... isso está claro no teu post, mas não conseguiste entrar na Universidade?
    Acho que não deves desistir dos teus sonhos só porque a vida te trocou as voltas durante uns tempos. Eu gosto de pensar assim. Se ficares na tua ilha é o que te faz sentir realizada, então força! Só tens de encontrar o teu espaço. Mas será que passados alguns anos não vais olhar para trás e dizer: "Podia ter feito diferente e não fiz". Tudo é um risco. Qualquer decisão que se tome é sempre um risco. O importante é sabermos lidar com as nossas escolhas sejam elas quais forem. Um beijo grande.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Helena, apenas decidi que por mim deveria parar um ano e respirar... Tenho imensos planos agendados para o ano que vem, e estão incluídos a universidade. E sim, estou mesmo a tratar de encontrar o meu verdadeiro espaço! Muitos beijinhos!

      Eliminar
  2. Também quando terminei o ensino secundário também não entrei logo para a universidade. Na altura as coisas não se proporcionaram... Vais perfeitamente mais do que a tempo ;)
    Já agora, queria dar-te os parabéns pela tua revista online. Está um produto bem feito. Gostavas de seguir a área da Comunicação Social? Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada! A próxima edição está mesmo quase a sair! Estava mais a pensar em Design Multimédia ou Editorial. Beijinhos.

      Eliminar
    2. Boa!
      Depois vou espreitar a próxima revista.
      Design Multimédia parece ser excelente. Fico contente por ti.
      Um beijo grande

      Eliminar
  3. Olá :)

    Cá estou eu, como prometi, mas não consigo seguir-te :s não aparece-me os seguidores para aderir!

    Às vezes é bom parar um ano e repensar o que queremos e descobrir quem somos! Não o fiz depois do secundário.. entrei para a faculdade e logo de seguida para o mestrado! Estou feliz com as minhas escolhas, porque hoje, sou uma profissional do Desporto e Professora de Educação Física, o que adoro! Não posso lecionar este ano, mas também faço o que gosto, dançar e ensinar os outros a dançar :)

    Parabéns por esta tua luta, que atinjas mais objetivos na tua vida :)

    Tenho um blog, fresquinho, mas não consegui comentar através dele - http://meninadastrancas.blogspot.pt/ - podes aceder, mas ainda está muito fraquinho :/
    beijinho*
    Joana Almeida

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Joana, vou tentar solucionar esse problema o mais brevemente possível!
      Desde que façamos algo que nos faz feliz, vale sempre a pena! Parabéns pelo teu curso já agora, desejo tudo de bom. Muito obrigada e vou seguir o teu blog, espero ver imensas novidades por lá eheh
      Beijinhos.

      Eliminar

Flickr Images